Jean Marie Londeix

Jean-Marie Londeix

Jean Marie Londeix

Jean-Marie Londeix, “um dos maiores músicos do nosso tempo” (Edison Denisov), è considerado sem dúvida como um dos maiores saxofonistas e professores de saxofone do mundo, a sua influência tem sido fortemente sentida na comunidade internacional da música para sopros » (Gerald Danovitch); «O mais reverenciado dos saxofonistas franceses, fez do Bordeaux Conservatory um dos principais centros do estudo do saxofone» (Washington Post); «Depois de Adolph Sax e do seu professor Marcel Mule, Jean-Marie Londeix talvez seja o mais importante «inventor» do saxofone moderno» (Francesco Salime).

Jean-Marie Londeix tornou-se conhecido e apreciado como solista, professor, conferencista e autor de inúmeros trabalhos pedagógicos. Actuou como solista em mais de 600 concertos, muitas vezes estreiando concertos para saxofone e em recitais nas principais salas de concerto por todo mundo.

No início dos anos de 1950, foi ainda um dos primeiros instrumentistas de sopro a fazer performances de recitais completos. O seu trabalho tem sido frequentemente registado, tem 13 LPs e 10 Cds gravados. Cerca de cem das mais importantes obras para saxofone têm sido compostas para, e dedicadas a ele.

Mais de 130 estudantes de todo o mundo vieram estudar com ele no Conservatório de Música de Bordeaux, entre os quais 47 foram americanos. Entre esses ex-alunos agora embaixadores da música e concertistas e artistas por direito próprio, uns a ensinar nas principais universidades e conservatórios e com carreiras internacionais. Monsieur Londeix é frequentemente convidado para ensinar em conservatórios e universidades da Europa, Japão, Estados Unidos, Rússia, Canadá, Escandinávia, ou para palestras em reconhecidos centros pedagógicos.

Eleito pelos seus pares como Presidente Honorário da Association of Saxophonists of France (AsSaFra) e Presidente do Comité Internacional do saxofone do Congresso Mundial de Saxofone, Jean-Marie Londeix também organizou uma série de festivais internacionais, incluindo o Congresso Mundial de Saxofone e a Conferência Mundial sobre o Estado Geral do saxofone. É responsável pela criação do Ensemble International de Saxophones, encomendou e estreou mais de 50 obras originais de excelente qualidade com este grupo.

Tendo realizado uma carreira como concertista e professor, Jean-Marie Londeix é também o autor de mais de vinte obras pedagógicas importantes para saxofone, muitas das quais foram traduzidos em cinco idiomas. Assim, ele escreveu livros sobre a história do saxofone, os mais notaveis “Le Saxofone”: Cl. Lattes, Paris e “Hello Sr. Sax!” (Em francês e Inglês): A. Leduc, Paris.

1